quinta-feira, 4 de novembro de 2010

ArteFato


De desejo, objeto

De anseios, o projeto

Do artista, um protesto

Dessa vida, algum reflexo

Cria de mãe desnaturada

A cumprir o seu destino

- Eis a busca bem-aventurada

ArteFato eu confirmo!


Eduardo C. Mendonça


2 comentários:

Carla Oliveira disse...

Perfeito! Acho que de Fato a Arte tem o poder de ser a ponte entre o divino potencial criador e a capacidade humana. Ela é o meio (ArteFato) para expressar através das mais variadas formas as intuições, visões e impressões captadas pela nossa alma.

Bj

Paula Figueiredo disse...

Du,
amo sua arte!
Beijos!
E vamos confiar na vida! ;)